O sofrimento da cabra que “abraça” dono e chora descontrolada ao perceber que está sendo vendida; veja o vídeo

Um caso comoveu as redes sociais mostrando o desespero de uma cabra ao perceber que estava sendo vendida. O vídeo fez muitas pessoas chorarem

de Redação Jornal Ciência 0

O vídeo comoveu a internet e deixou muitas pessoas aos prantos. “Todos os animais têm sentimentos, independentemente do que os humanos pensam. Espero para que a pessoa que a comprou saiba disso”, disse um dos comentários de um internauta.

Jornal Ciência no seu WhatsApp

Clique aqui (61) 98302-6534, mande “olá” e salve nosso número nos seus contatos. Você receberá notícias do Jornal Ciência diretamente no seu celular.

Há muito tempo a ciência que estuda o comportamento dos animais atesta que eles podem sofrer e sentir de formas parecidas como nós, humanos.

Alguns estudos mostram diversos comportamentos de tristeza e até depressão em cães, por exemplo, que passam pela separação de um casal ou são abandonados. Alguns reagem de forma melancólica e deprimida quando precisam se afastar da pessoa que sentem afinidade.

Tristeza, ansiedade, estresse, medo, são apenas alguns dos sentimentos que animais, especialmente os mamíferos, podem passar quando sofrem a perda do dono ou em situações de abandono.

Este foi o caso de um vídeo divulgado no Twitter, onde uma cabra demonstra claramente seu desespero após ser vendida e transferida para o novo dono. A cena foi compartilhada por Ramasubramanian V. Harikumar, um indiano que intitulou o vídeo: “Uma cabra que foi vendida abraça seu dono e chora como um humano”.

“Até os animais, apesar de não falarem, têm sentimentos e emoções. Embora não tenham a faculdade da linguagem, eles amam muito seus donos. Quando se separam deles, sofrem completamente”, acrescentou Harikumar.

De acordo com especialistas, pensar assim não foge à realidade. Os bodes e cabras choram ou reclamam para se comunicar. Eles conseguem fazer barulho quando estão com fome, quando estão feridos ou quando sinalizam um certo perigo para o rebanho.

Assim como os humanos, parece que as cabras também sentem empatia depois que um estudo publicado na Royal Society revelou que os animais podem distinguir diferentes expressões faciais humanas, de acordo com o jornal The Independent.

O estudo concluiu: “Essas descobertas sugerem que a capacidade dos animais de perceber sinais faciais humanos não se limita àqueles com uma longa história de domesticação como companheiros e, portanto, pode ser muito mais difundida do que se acreditava anteriormente”.

Infelizmente, mesmo desesperada nos braços de seu dono, a cabra foi vendida e entregue ao comprador. Assista o vídeo abaixo:

Fonte(s): LAD  / UPSOCL Imagens: Reprodução / Twitter

Jornal Ciência