Seis óvnis são vistos ao vivo passando pela Estação Espacial antes da NASA cortar transmissão

de Merelyn Cerqueira 0

As transmissões ao vivo da Estação Espacial Internacional (ISS) geralmente são pautas para aparições inexplicáveis, que ufólogos e teóricos da conspiração sempre associam a seres extraterrestes.

Jornal Ciência no seu WhatsApp

Clique aqui (61) 98302-6534, mande “olá” e salve nosso número nos seus contatos. Você receberá notícias do Jornal Ciência diretamente no seu celular.

 

Mais uma vez a agência espacial norte-americana foi acusada de encobrir provas da existência de alienígenas. Desta vez, o link ao vivo mostra seis objetos voadores misteriosos em forma de esferas, que surgem em meio à escuridão para viajar ao lado da ISS. Assim que surgem, a transmissão é cortada e substituída por imagens de uma câmera mostrando o interior de uma sala de reunião.

 

O vídeo de 31 segundos foi publicado no YouTube pelo usuário Streetcap1, e logo foi reproduzido por outros. “Vemos cerca de seis óvnis passando e a julgar pela distância, acho que seriam objetos bastante grandes”, disse um dos usuários, do canal SecureTeam10. “Muito maior do que a típica desculpa da NASA sobre partículas de gelo”.

 

Segundo ele, “suspeitosamente” a agência teria cortado a transmissão e substituído por outra, mostrando uma sala iluminada dentro da ISS. No vídeo, aos seis segundos, uma das esferas flutuantes é vista no quadro, e logo é acompanhada por uma frota de cinco outras.

 

Enquanto que os teóricos da conspiração acreditam ser óvnis, a NASA forneceu uma explicação mais científica sobre o evento. Em um artigo publicado no Atlas Obscura, James Oberg, um dos funcionários da agência durante os anos 90, disse que esse tipo de ocorrência é tido como “caspa espacial”.

 

Em 1996, uma nave da agência, STS-75, explodiu em uma missão de 15 dias, que tinha como objetivo transportar um cabo para um satélite. No entanto, quando esse cabo se rompeu, levando à perda do satélite, uma sequência de eventos estranhos ocorreu. Entre eles, o surgimento de uma nuvem de cristais de gelo que flutuava, como caspa, fazendo muito gente acreditar que fossem óvnis.

 

Embora nem sempre seja possível determinar exatamente o que são esses objetos durante o curto período em que aparecem nas imagens, há um número possível de explicações para esse tipo de aparecimento. Muitos óvnis capturados pelas câmeras da ISS podem ser explicados também como imagens de lixo espacial ou satélites distantes”, disse Nigel Watson, especialista e autor de UFO Investigations Manual. “Até mesmo pequenas manchas de tinta ou partículas podem parecer óvnis quando atingidas pela luz brilhante do Sol”.

[ Daily Mail ] [ Fotos: Reprodução / Daily Mail ] 

Jornal Ciência