Homem é forçado a comer apenas alimentos líquidos após vício por refrigerantes o deixar quase sem dentes

de Merelyn Cerqueira 0

Michael Sheridan, um irlandês de 32 anos, perdeu quase todos os dentes de sua boca devido ao seu vício em bebidas gasosas.

Por anos ele foi forçado a viver com uma dieta à base de alimentos macios e líquidos, uma vez que não conseguia morder comidas sólidas.

No entanto, recentemente ele recebeu um novo sorriso de um dentista que percebeu sua dor no momento em que tentava morder um sanduíche, de acordo com a Oddity Central.

homem-fica-sem-comer_1

O vício de Sheridan era tão grave que ele sentia dores de cabeça e tremores se não bebesse um copo refrigerante todos os dias e logo após acordar. Porém, à medida que seguia com o vício, seus dentes começaram a apodrecer, de modo que passava as noites em claro e em agonia, devido às fortes dores que sentia.

Por sua boca estar severamente danificada, o irlandês sentia vergonha de sorrir, até mesmo para sua esposa e seus três filhos.

“Eu estava envergonhado e costumava escondê-los. Eu conseguia falar e sorrir sem mostrar meus dentes, mas minha fala era abafada porque quase não abria a boca ao falar”, disse Sheridan ao The Independent. “Nas fotos de Natal, todos parecem felizes, mas não eu, porque não sorria, embora estivesse contente”.

homem-fica-sem-comer_2

Sheridan revelou que, pelo menos no início, não sabia que as bebidas gaseificadas estavam fazendo com que seus dentes apodrecessem. Embora soubesse que não estavam lhe fazendo nenhum bem, pensou que não era mais prejudicial do que uma xícara de café.

“Demorou alguns anos para eu perceber que estava viciado. Na maioria das manhãs, eu ia direto para a geladeira e tomava uma bebida”, disse ele.

“Se não o fizesse, dentro de meia hora após acordar, eu começava a tremer, suar e sentir dores de cabeça. Não é um vício comum. Se você vê um alcoólatra, sabe que está bêbado, mas se alguém está carregando uma garrafa de refrigerante na rua é indiferente. Você não assume que é um vício porque é considerado normal”.

A vida de Sheridan começou a mudar para melhor apenas recentemente, quando o dentista Dr. David Murnaghan, que conhecia através do clube de polo aquático Drogheda Waterpolo, tomou conhecimento de seu problema. Eles estavam em uma viagem em Galway, também na Irlanda, para uma partida quando o dentista viu Sheridan estremecer de dor enquanto tentava morder um sanduíche.

“Eu conheci Michael através do polo aquático, mas não o suficiente para falar com ele sobre seus dentes, revelou O Dr. Murnaghan ao Irish Examiner.

“Foi apenas durante uma viagem de carro para Galway que o assunto surgiu e eu disse a ele para marcar uma consulta comigo. Eu sabia que seus dentes estavam ameaçando seriamente sua saúde. Ele não podia mastigar corretamente e estava sofrendo todos os dias. O governo não fala muito sobre esse tipo de vício. Atualmente, é mais sobre álcool e tabagismo, mas a saúde bucal é muito, muito importante”.

Assim, após reunir toda sua coragem, em novembro do ano passado, Sheridan começou um tratamento de implantes oferecido gratuitamente pelo dentista. Ele precisou remover os dentes que ainda tinha e no momento está usando próteses removíveis.

Em abril, Sheridan retornará à clínica para colocar 12 implantes e algumas pontes, que lhe darão um novo e permanente sorriso. “Eu ainda estaria mal se David não tivesse me ajudado”, disse ele grato. “Minha esposa e toda a minha família estão satisfeitos. Eu estou satisfeito e muito agradecido pelo que David e sua equipe na clínica Boyne Dental & Implant fizeram”.

“Eu continuo me olhando no espelho e não posso acreditar no que vejo, acrescentou.

Sheridan afirmou que desde o procedimento não bebeu refrigerantes novamente e decidiu divulgar sua história para alertar os outros sobre os perigos da negligência e do açúcar nos dentes.

Fonte: Oddity Central Fotos: Reprodução / Oddity Central

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!
error: Proibida a cópia sem autorização.