Jornal Ciência no seu WhatsApp

 

Clique aqui (61) 98302-6534, mande “olá” e salve nosso número. Você receberá primeiro as notícias do Jornal Ciência em seu celular.

Estrela viajante recém-descoberta pode causar ataques de cometas no Sistema Solar

de Gustavo Teixera 0

Um novo estudo descobriu que uma estrela em rota de colisão com o Sistema Solar vai chegar ainda mais perto do que os especialistas previram.

O observatório da Missão Gaia – da Agência Espacial Europeia – capturou dados mostrando que a estrela Gliese 710 poderá chegar tão perto de nosso Sistema Solar, que poderá fazer com que o sistema sofra ataques de cometas. Gliese 710 também ficará visível durante a noite como o mais rápido e brilhante objeto do céu.

cometas-sistema-solar_2

Em um estudo publicado na renomada revista Astronomy & Astrophysics, os pesquisadores Filip Berski e Piotr Dybczński, da Universidade Adam Mickiewicz da Polônia, disseram que a distância da estrela ao Sistema Solar é cinco vezes menor do que se pensava anteriormente, e que ela estaria viajando na Nuvem de Oort, que é uma espécie de concha com objetos gelados e cometas, próxima de nosso Sistema Solar.

Se isso acontecer, a força gravitacional da estrela – que possui uma massa de cerca 60% do nosso Sol – poderia causar uma chuva de cometas com potencial de atingir até mesmo a Terra. Segundo astrônomos, um impacto com o nosso planeta parece possível e seria significativo.

Espera-se que essa estrela passe a uma distância de 1,2 trilhão de milhas (cerca de 1,9 trilhão de quilômetros) da Terra. Mesmo que pareça distante, a medida é relativamente curta em termos espaciais. Por exemplo, a estrela Alpha Centauri, que é a mais próxima da Terra, está a uma distância 25,67 trilhões de milhas (cerca de 41,3 trilhões de quilômetros).

Podemos esperar que essa estrela tenha a maior influência sobre os objetos da nuvem de Oort nos próximos dez milhões de anos e, mesmo nos últimos vários milhões de anos, não houve nenhum objeto tão importante perto do Sol”, foi relatado no artigo.

[ Daily Mail ] [ Fotos: Reprodução / Pixabay / Daily Mail ]

Jornal Ciência