Bebê nasce surdo após mãe ficar “gripada” durante a gravidez

de Merelyn Cerqueira 0

Quando Rebekka Murray, 24 anos, de Queensland, Austrália, realizou um exame de ultrassom em sua 20ª semana de gravidez, recebeu uma notícia que nenhuma mãe gostaria de ouvir. Os médicos teriam encontrado uma anormalidade no intestino do bebê.

Ao questioná-la sobre doenças durante o período gestacional, ela disse que apenas teve uma gripe entre o primeiro e terceiro semestre. No entanto, de acordo com sintomas descritos, descobriu-se que, na verdade, ela teria sido vítima de um Citomegalovírus (CMV), e por esse motivo, seu bebê, Jackson, nasceria com algumas infecções e profundamente surdo.

bebe-nasce-surdo-apos-mae-ficar-gripada-durante-gravidez

De acordo com informações do jornal Daily Mail, o CMV é mais comum em crianças e, uma vez que uma pessoa é infectada, o vírus permanece vivo, mas inativo no corpo. As mulheres que o contraem pela primeira vez durante a gravidez correm o risco de transmiti-lo ao feto.

bebe-nasce-surdo-apos-mae-ficar-gripada-durante-gravidez_1
Rebekka Murray com o marido e os filhos: Reid Callum (quatro anos), Ella (três) e Jackson

Murray teve uma gravidez complicada, com os médicos dizendo que os vasos sanguíneos no cérebro do bebê estavam dilatados e o baço e fígados eram muito grandes. “Havia indicações de que ele tinha parado de crescer em cerca de 30 semanas e estava se tornando anêmico”, contou ela.

bebe-nasce-surdo-apos-mae-ficar-gripada-durante-gravidez_2

Após o nascimento, via cesárea e prematuro, a criança foi levada para a unidade de cuidados especiais, onde ficou por cerca de um mês. Mas, em apenas cinco dias, ficou muito doente, com outra infecção além do CMV. Em razão a isso, sofreu uma série de transfusões de plaquetas, antes de ser colocada sob medicamentos mais fortes.

bebe-nasce-surdo-apos-mae-ficar-gripada-durante-gravidez_3

Um mês depois, o bebê foi liberado para ir para casa. Além das infecções, Jackson nasceu profundamente surdo e, embora seu fígado e baço continuem anormalmente grandes, ele segue bem.

bebe-nasce-surdo-apos-mae-ficar-gripada-durante-gravidez_4

Ele está se desenvolvendo muito bem, tivemos muita sorte nisso”, disse a mãe. “Precisamos ter cuidado com muitas coisas à medida que ele cresce, ele pode ter epilepsia, paralisia cerebral, calcificação no cérebro, mas por enquanto fomos abençoados”. 

bebe-nasce-surdo-apos-mae-ficar-gripada-durante-gravidez_6

O que é Citomegalovírus?

De incidência comum, pode afetar jovens e adultos. Uma vez infectada, o vírus permanece vivo, mas geralmente inativo, dentro do corpo da pessoa durante toda a vida. No caso das mulheres grávidas, o bebê corre o risco de nascer infectado e com deficiências.

Estudos na Austrália apontam que, de 1.000 nascidos vivos, cerca de seis crianças terão uma infecção congênita por CMV. Logo, recomenda-se que as grávidas tomem medidas para tentar reduzir o risco à exposição, isto é, lavando as mãos regularmente, não compartilhando comidas, bebidas ou outros utensílios com crianças, e utilizando detergente comum para limpar as coisas que entraram em contato com a saliva dos pequenos.

[ Daily Mail ][ Fotos: Reprodução / Daily Mail ]

Jornal Ciência no seu WhatsApp

Clique aqui (61) 98302-6534, mande “olá” e salve nosso número. Você receberá primeiro as notícias do Jornal Ciência em seu celular.

Jornal Ciência