Um ano após ser resgatado na Nigéria, “menino desnutrido” vai pela primeira vez à escola

de Merelyn Cerqueira 0

Há um ano, quando foi resgatado por uma ativista dinamarquesa Anja Ringgren Loven, Hope ficou famoso após uma foto mostrar seu corpo desnutrido na internet.

Jornal Ciência no seu WhatsApp

Clique aqui (61) 98302-6534, mande “olá” e salve nosso número nos seus contatos. Você receberá notícias do Jornal Ciência diretamente no seu celular.

 

De acordo com a ativista, o menino havia sido abandonado pela família na Nigéria porque acreditavam que ele era um bruxo. No entanto, para simbolizar a melhora da criança e recriar a icônica foto, Loven publicou uma imagem atualizada de Hope, hoje com três anos, de acordo com informações do jornal The Independent.

Anja e seu marido, David Emmanuel Umem, dirigem juntos um orfanato no sudeste da Nigéria para crianças que foram abandonadas por suas famílias. ACAEDF, a fundação em questão, abriga crianças que foram largadas pelos pais em razão de crenças supersticiosas. Eles nomearam e adotaram Hope no dia 30 de janeiro de 2016, depois de ele ter sido acusado de bruxaria. À época, o menino estava desnutrido, com vermes e hipospadia, uma condição em que a uretra não se desenvolve completamente.

Em sua página no Facebook Anja escreveu: “Em 30 de janeiro de 2016, fui a uma missão de resgate com David Emmanuel Umem, Nsidibe Orok e nossa equipe nigeriana”.

 

Uma missão de resgate que se tornou viral, e hoje, há exatamente um ano atrás, o mundo veio a conhecer um garotinho chamado Hope”, continuou. “Esta semana, Hope começar a ir à escola”, completou.

[ The Independent ] [ Foto: Reprodução : The Independent ]

Jornal Ciência