Homem é devorado por crocodilo na África após violar quarentena de coronavírus

de Redação Jornal Ciência 0

Um ruandês desobedeceu às ordens de isolamento em meio ao surto do novo coronavírus para ir pescar. Entretanto, quem acabou “pescado” foi o infrator, que foi devorado por um crocodilo.

“Ele infringiu a regra de não sair de casa, além de ser uma das poucas pessoas que não estavam cooperando com isolamento para parar este vírus”, afirmou à BBC Alice Kayitesi, prefeita do distrito Kamonyi, localizado no sul de Ruanda. O indivíduo foi atacado pelo réptil na quarta-feira (25), no rio Nyabarongo.

Ruanda, país da África Oriental com cerca de 12 milhões de habitantes, tem 40 pessoas diagnosticadas com Covid-19, sendo o registro mais elevado na região, embora não houve informações de falecidos pelo novo coronavírus. Ruanda está fechado desde domingo (22), e os casos de infecções vêm aumentando.

Além disso, segundo mídia local, na segunda-feira (23), policiais mataram dois ruandeses que estavam brigando devido ao isolamento.

Fonte: Sputnik News Foto: Sociedade Americana de Ictiólogos e Herpetólogos

Conteúdos do Jornal Ciência

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!