Jornal Ciência no seu WhatsApp

 

Clique aqui (61) 98302-6534, mande “olá” e salve nosso número. Você receberá primeiro as notícias do Jornal Ciência em seu celular.

Nutricionista sugere que benefícios associados à nova tendência do café com carvão são enganosos

de Merelyn Cerqueira 0

Enquanto que no Brasil ainda se fala pouco sobre a tendência, o fato é que tem havido rumores online de que uma nova bebida “detox” vendida especialmente na Europa com carvão em sua composição pode ser benéfica para a saúde.

Logo, as redes sociais, especialmente o Instagram, foram inundadas com fotos de usuários exibindo seus “charcoal lattes”, que basicamente são compostos de café com leite e creme salpicado com pedaços de carvão vegetal ativado.

Às bebidas, segundo informações do Daily Mail, foram atribuídos diversos benefícios de saúde, que incluem a redução do inchaço e colesterol, bem como uma efetiva cura para a ressaca.

O fato é que muitos nutricionistas não estão convencidos de que tudo isso seja  verdade. Em um artigo para o The Huffington Post, a nutricionista Jodie Branmdman fez uma série de alegações sobre os supostos benefícios da bebida, dizendo que ela realmente poderia eliminar as toxinas do corpo, reduzir o inchaço e melhorar o desempenho cognitivo.

cafe-com-carvao_2

No entanto, Rob Hobson, nutricionista e consultor que já trabalhou para a NHS (sistema de saúde do Reino Unido), disse que ainda não viu a utilidade da bebida. 

“Parece mais uma moda”, disse. “Não há evidências suficientes que afirmem que ela pode reduzir o colesterol, ajudar com a ressaca ou diminuir o inchaço. Isso é besteira”.

Como o carvão ativado é comumente utilizado no tratamento de overdoses e envenenamentos por produtos químicos, pois consegue remover essas toxinas do intestino, isso levou a afirmações de que ele seria um ótimo “detox”. 

Michelle McGuinness, porta-voz da British Dietetic Association, também criticou a tendência, descrevendo-a como desnecessária.

Ela explicou que o carvão ativado age de forma “não discriminativa”, o que significa que ele também pode remover nutrientes essenciais para o corpo e até medicações.

cafe-com-carvao

“Qualquer pessoa que toma medicamentos controlados deve evitar o consumo de carvão ativado”, explicou. “A evidência para os benefícios do carvão não é substancial, e os efeitos negativos poderiam ser prejudiciais à saúde”. 

“Ainda, um processo de desintoxicação como este não é necessário para a otimização da saúde, uma vez que somos bem equipados com rins e fígados que naturalmente realizam esse processo”, continuou.

“Pode não ser tão glamoroso quanto um latte de carvão vegetal, mas eu sugeriria não abandonar seu café padrão e poupar seu dinheiro”.

Sarah Coe, da British Nutrition Foundation, também alertou sobre a inexistência de evidências que comprovem que o consumo de carvão vegetal possa melhorar a saúde. Segundo ela, mais pesquisas são necessárias para que compreendamos os impactos do produto no corpo antes de o adicionarmos a alimentos e bebidas.

Fonte: Daily Mail Fotos: Reprodução / Daily Mail

Jornal Ciência