Brasileiro destrói escultura barroca de 300 anos em museu português ao tentar tirar selfie

de Merelyn Cerqueira 0

Neste domingo (06), de acordo com o jornal Diário de Notícias, de Portugal, um turista brasileiro derrubou uma estátua barroca de madeira datada do século 18, enquanto tentava tirar uma selfie.

A estátua em questão era uma representação de São Miguel e estava localizada no Museu Nacional de Arte Antiga, em Lisboa.

O incidente ocorreu no recém-inaugurado Piso 3, na Galeria de Esculturas Portuguesas. Segundo informações de uma fonte oficial do Museu, ninguém ficou ferido e uma equipe de restauração logo foi acionada para reparar os danos considerados reversíveis. A sala em questão foi fechada e deve ser reaberta na terça-feira.

O incidente foi reportado no Facebook em uma publicação feita pelo usuário Nuno Miguel Rodrigues. “O pior dia para visitar o MNAA”, escreveu. “Este é o preço a pagar pela gratuidade do primeiro domingo de cada mês”. Depois de um tempo, ele acabou apagando o post.

De acordo com a assessora do Ministério da Cultura, Teresa Bizarro, um dos vigilantes do local teria avisado o turista para que não se aproximasse muito da estátua. No entanto, ele não ouviu a tempo e acabou derrubando-a.

Segundo a assessoria, o caso ainda será analisado com maior profundidade, e a estátua, quando restaurada, poderá ser realocada para exposições futuras. De acordo com informações do Diário de Notícias, o turista teria fugido do local após o incidente.

[ DN ] [ Foto: Reprodução / Facebook via R7 ]

Jornal Ciência no seu WhatsApp

Clique aqui (61) 98302-6534, mande “olá” e salve nosso número. Você receberá primeiro as notícias do Jornal Ciência em seu celular.

Jornal Ciência