Segundo estudo, pessoas se apaixonam 3 vezes em 3 situações diferentes

de Gustavo Teixera 0

Durante a vida, as pessoas se apaixonam diversas vezes. Mesmo ainda crianças, o amor já se manifesta de maneira suave, e quando crescem, a forma de amar se intensifica. Alguns estudos sugerem que os humanos se apaixonam três vezes durante a vida em situações diferentes.

Jornal Ciência no seu WhatsApp

Clique aqui (61) 98302-6534, mande “olá” e salve nosso número nos seus contatos. Você receberá notícias do Jornal Ciência diretamente no seu celular.

 

Amor “Conto de Fadas”

Em um primeiro momento da vida, quando as pessoas se apaixonam ainda muito novas, têm a mania de “endeusar” o outro e chegam até a acreditar que vai durar para sempre.Mas isso pode não ser tão bom assim pois, caso esse amor não dê certo, é muito difícil de aceitar.

 

Amor complicado

Após passar pela primeira experiência amorosa, as pessoas acreditam que aprenderam algo e passam a se relacionar com alguém diferente da primeira relação.Essa mudança radical pode trazer desconfiança ou manipulação e existe a esperança eterna de que tudo vai melhorar. Esse comportamento pode não resultar em um relacionamento saudável.

 

Amor maduro

A terceira experiência de amor aparece quando não se espera. Isso deixa o casal confiante devido à naturalidade do relacionamento.Nesta fase, existe menos decepção e maior facilidade em resolver os problemas junto com o parceiro ou parceira.

[ Cosmopolitan ] [ Fotos: Reprodução / Cosmopolitan ]

Jornal Ciência