O que você vê nesta imagem? A resposta revela detalhes de sua personalidade, de acordo com interpretações psicológicas

de Redação Jornal Ciência 0

Há uma explicação científica para como interpretamos ilusões óticas. Quando olhamos para determinada coisa, na verdade, o que vemos é a luz que entra em nossos olhos.

Jornal Ciência no seu WhatsApp

Clique aqui (61) 98302-6534, mande “olá” e salve nosso número nos seus contatos. Você receberá notícias do Jornal Ciência diretamente no seu celular.

Isso é convertido em impulsos elétricos que fazem nosso cérebro entender essa coisa como uma imagem.

Todo o processo leva cerca de um décimo de segundo, com nossos olhos recebendo um fluxo constante de luz e grandes quantidades de informações. 

Quando nosso cérebro recebe todas essas informações ao mesmo tempo, ele tenta simplificar o que vê para que possamos nos concentrar no que realmente é importante, compensando os atrasos de processamento em um décimo de segundo.

Essa é a mesma característica que ajudou os seres humanos mais primitivos a sobreviverem a predadores e obstáculos.

Logo, as ilusões de ótica enganam nossos cérebros por meio de brechas que encontram nesse sistema, enviando padrões de luz e cor enganosos – e é por isso que nos sentimos confusos.

Para contornar isso, criamos nossa própria percepção, que pode não bater com o cenário real que enfrentamos. Dito isso, abaixo você poderá verificar três figuras observáveis na imagem abaixo:

ilusao-de-otica_capa

Agora responda: qual foi a primeira coisa que você viu?

Primeiro, considere que como seu cérebro entende uma ilusão de ótica pode dizer um pouco sobre sua personalidade, uma vez que você a assimila de acordo com as experiências empíricas acumuladas durante a vida.

ilusao-de-otica

Sendo assim, se a primeira coisa que você viu foi o rosto de uma mulher, isso pode significar que você é uma pessoa direta e honesta. Mentir e enganar são coisas que não se encaixam em sua filosofia de vida.

No que diz respeito a relacionamentos, seus amigos querem sempre estar perto, uma vez que você irradia felicidade e prefere sempre agir sem complicações.

Você é uma pessoa que valoriza a amizade acima de tudo, além de ter um grande senso de humor, o que torna você muito popular.

ilusao-de-otica_2

Diferente disso, se a primeira coisa que você viu foram flores, pode ser que você seja o tipo de pessoa que coloca o bem-estar dos outros acima do seu – algo que é bom e ruim ao mesmo tempo, uma vez que cuidar de si mesmo é essencial. Ainda, você é o tipo de pessoa com quem se pode contar.

No entanto, isso lhe deixa vulnerável a aproveitadores, que buscam tirar vantagem da sua nobreza. Você geralmente se dá bem com pessoas do sexo oposto, algo que abre muitas possibilidades – caso você seja heterossexual. Contudo, por causa de timidez, geralmente é difícil “ser você mesmo”.

ilusao-de-otica_3

Por fim, as pessoas que identificaram primeiro uma borboleta como detalhe único e específico, podem ser consideradas mais inteligentes, criativas, de pensamento rápido e que buscam sempre a inovação.

A melhor coisa sobre esse tipo de pessoa é que elas nunca deixam tarefas inacabadas e fazem o possível para terminá-las – sempre do jeito que querem.

Quanto à questão social, gostam de passar bons momentos com amigos e familiares. Geralmente, são pessoas de bom coração e que sempre tentam ajudar e proteger os outros.

Fonte: Dazzling News Fotos: Reprodução / Dazzling News

Jornal Ciência