Após ver dentes podres em criança de 3 anos, dentista repreende a mãe. Saiba o motivo!

de Gustavo Teixera 0

Muitas pessoas não dão a devida atenção aos males causados pelos refrigerantes.

Jornal Ciência no seu WhatsApp

Clique aqui (61) 98302-6534, mande “olá” e salve nosso número nos seus contatos. Você receberá notícias do Jornal Ciência diretamente no seu celular.

Um estudo recentemente publicado no American Journal of Public Health, periódico especializado em saúde, revelou que beber refrigerante pode acelerar o processo do envelhecimento tanto quanto fumar. Além disso, outros danos causados pelo consumo de refrigerante estão chamando atenção.

refrigerante

Segundo o dentista, Robert Beaglehole, em apenas um ano ele extraiu cerca de 60 dentes de diversas crianças. 

A Associação Dental da Nova Zelândia recomenda que todos bebam mais água e leite do que refrigerante. 

Nas escolas, lanches e refrigerantes são os alimentos mais vendidos para os alunos, e em muitas residências, os refrigerantes ocupam espaço nos armários e dispensas. Apesar de ser bastante popular, poucos tem o conhecimento que ele prejudica a saúde de forma direta.

Na região sul de Nova York, nos Estados Unidos, algumas marcas de refrigerante mostram o índice de queda de dentes da região. 

Segundo a imprensa norte-americana, cada vez mais as crianças estão viciadas em refrigerantes, pois elas os bebem diariamente, até mesmo no café da manhã.Dentistas relatam que já se depararam com casos de pais colocando refrigerante dentro das mamadeiras.

Especialistas em saúde bucal recomendam que os pais ensinem e incentivem os filhos a escovarem os dentes diariamente e visitarem regularmente o dentista. Além disso, eles alertam que mesmo que um alimento vendido como “sem açúcar” pode não ser bom para os dentes também. Portanto, pense duas vezes antes de dar refrigerante para crianças.

Fonte: NCBI Fotos: Reprodução / NCBI

Jornal Ciência