TOI-700 d: Nasa encontra o planeta mais parecido com a Terra

O planeta, potencialmente habitável, chama-se TOI-700 d

de Redação Jornal Ciência 0

A busca por vida em outros planetas há muito tempo é infrutífera, mas os cientistas agora acreditam que encontraram um planeta com grandes possibilidades de ser habitável, chamado TOI-700 d.

O planeta, semelhante à Terra, está a 102 anos-luz de nós, mas parece ter algumas propriedades interessantes. O planeta foi descoberto pelo Transiting Exoplanet Survey Satellite, que é usado para observar sistemas estelares distantes.

Curiosamente, tem um tamanho semelhante ao da Terra, orbita sua estrela em uma distância chamada de zona habitável – uma distância adequada entre a estrela e o planeta que permita níveis estáveis e aceitáveis de temperatura para o desenvolvimento de vida na forma como a conhecemos.

Claro, o tamanho de um planeta não significa que será semelhante ao nosso, mas a distância que ele está de sua estrela mais próxima levou os cientistas a cogitarem boas possibilidades de existência de água e atmosfera.

Três artigos na revista científica The Astrophysical Journal especularam sobre a possibilidade de o planeta ser habitável ou até mesmo já conter vida. No entanto, expedições espaciais para descobrir mais sobre ele não acontecerão tão cedo.

A possibilidade de investigar mais este planeta está atualmente fora de alcance e parece que nenhum foguete, satélite ou tecnologia disponível poderia fornecer uma visão mais apurada sobre ele.

Isso significa que elementos em sua possível atmosfera e se tem reservas de água, permanecerão um mistério por longos anos.

Daqui para frente, parece que a maneira como olhamos para os planetas ou como viajamos através do espaço terá que melhorar a fim de compreender melhor esta possível alternativa à Terra. Se os humanos pretendem colonizar outros planetas, tecnologias muito mais avançadas precisarão ser desenvolvidas.

Apesar de estar longe e conter mistérios, esta é uma descoberta emocionante para os astrônomos que buscam, de forma incansável, a possibilidade de encontrar vida em outros planetas.

Fonte: Unilad Foto: Reprodução / NASA

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!