Jornal Ciência no seu WhatsApp

 

Clique aqui (61) 98302-6534, mande “olá” e salve nosso número. Você receberá primeiro as notícias do Jornal Ciência em seu celular.

TOP 10 sinais de que você pode estar com problemas na tireoide. A condição já afeta cerca de 12 milhões de pessoas!

de Julia Moretto 0

Muitas vezes nosso corpo apresenta sinais de que algo não anda bem e nós simplesmente o ignoramos.

Porém, ficar atento a esses sintomas pode prevenir doenças perigosas. Por isso, trouxemos uma lista de possíveis sintomas de problemas na tireoide.  

A glândula da tireoide fica localizada na parte inferior do pescoço e é responsável pela regulação da produção de diversos hormônios e pelo controle da quantidade de iodo no nosso corpo.

Tanto o funcionamento excessivo quanto a falta dele podem ser prejudiciais à saúde. Dessa forma, ficar atento aos sinais na doença é fundamental.

01-2

1 – Sentimento de tristeza

02-2

A serotonina – responsável pela felicidade – é um dos hormônios que controlam a tireoide. Quando ele é produzido em altas quantidades, deixa o paciente estressado ou ansioso. Por outro lado, quando produzido em níveis baixos, pode deixar o paciente com uma sensação de tristeza.

2 – Transtornos digestivos

03-1

Problemas como diarreia e constipação podem ser associados à má produção dos hormônios responsáveis pela regulação dos processos digestivos. Caso o problema tenha se tornado crônico, pode ser um caso de distúrbio da glândula tireoide. É importante salientar que ao perceber qualquer sinal diferente do corpo, o paciente deve procurar um médico.

3 – Sono

0011_sleep-600x600

Fraqueza também é um dos sintomas da tireoide. As funções desta glândula aceleram ou diminuem nossa disposição. Muitas vezes o paciente passa a se sentir cansado e com sono com frequência. Ele passa a andar com desânimo e tem pouca vontade de realizar tarefas do dia a dia. Muitas vezes esse sintoma é confundido com depressão.

4 – Pele ressecada e perda de cabelo

04

Outro sintoma que deve ser observado é a capacidade de suar, já que a pele se mantém seca. O problema pode afetar o ciclo de vida do cabelo, resultando na queda.

5 – Alteração no peso

05

O aumento e a diminuição da atividade física podem gerar modificações na massa do corpo. Mas, no caso de distúrbios glandulares, o peso passa a mudar independentemente da atividade física – e isso pode ser facilmente notado.

6 – Dor muscular excessiva

07

Ao realizar excessiva atividade física, é possível ter dores musculares. Porém, esse desconforto pode ser sentido pelos pacientes mesmo sem a prática de esportes, já que há uma deterioração nos nervos musculares. Dessa forma, o corpo interpreta que há uma sensação de formigamento ou dor.

7 – Frequência cardíaca alta

08

Quando estamos passando por momentos perigosos ou emocionantes, o nosso corpo acelera todos os processos naturais. Mas ao perceber que há um aumento do ritmo cardíaco mesmo sem vivenciar esses momentos, pode estar ocorrendo a falta de regulação da tireoide. Esse também pode ser sinal de hipertensão ou colesterol alto.

8 – Problemas com memória e concentração

09

A tireoide fraca pode apresentar falhas na memória, como desatenção ou problemas na recuperação dos dados.

9 – Aumento do apetite

011

Quando há um aumento de apetite, o corpo pode estar sofrendo de tireoide. Por isso é importante ficar atento à saciedade e, caso perceba que ela não é mais a mesma, procurar investigar a causa. Este problema pode estar associado com a deterioração da parte frontal do cérebro, assim como uma deficiência hormonal.

10 – Dores no pescoço ou garganta

012

Como a glândula da tireoide fica localizada no pescoço, é possível que o paciente sofra com inflamações nesta área. Por isso, caso tenha dificuldade em engolir saliva, é recomendável que procure um médico.

Fonte: Little Things Fotos: Reprodução / Awebic / Little Things

Jornal Ciência