Mulher humilhada por ter tumor facial encontra conforto e amizade na internet

de Julia Moretto 0

Apelidada de “Elephant Face”, a chinesa Liu Ying, de 48 anos, tentou cometer suicídio após a cirurgia não conseguir resolver seu problema.

Jornal Ciência no seu WhatsApp

Clique aqui (61) 98302-6534, mande “olá” e salve nosso número nos seus contatos. Você receberá notícias do Jornal Ciência diretamente no seu celular.

De acordo com uma entrevista, Liu começou a sentir dor em seu rosto aos nove anos.

Ela foi diagnosticada com neurofibromatose, uma doença genética que forma tumores ao longo dos nervos. 

Liu tem tumores em suas bochechas e queixo, causando deformidade facial e perda de visão em seu olho direito. Ela também tem dificuldades em mastigar e falar.

mulher-elefante-1

Quando ela tinha 24 anos, foi submetida a uma cirurgia para tentar remover os tumores, porém não houve sucesso. Os tumores continuaram a crescer.

Segundo ela, já tentou cometer suicídio e foi salva por médicos no hospital. Atualmente ela mora com seu pai na cidade de Liaoyang, na província de Liaoning.

mulher-elefante-2

No ano passado, Liu decidiu participar de uma transmissão on-line e fez amizades enquanto falava sobre sua experiência de vida.

“As pessoas doam dinheiro para mim, e espero poder pagar outra cirurgia para remover meus tumores”, disse. 

Ela acrescentou que a transmissão ao vivo permitiu que mais pessoas soubesse sobre a doença.

“Há inimigos online, mas eu aprendo a ajustar meus sentimentos em relação a eles. Se a cirurgia for bem-sucedida, quero incentivar outros a serem corajosos”, disse ela.

mulher-elefante-4

Fonte: Daily Mail Fotos: Reprodução / Daily Mail

Jornal Ciência