Comer depois das 19h pode aumentar o risco de infarto, sugere estudo

de Merelyn Cerqueira 0

A hora que comemos é tão importante quanto o que comemos, um estudo descobriu.

 

Pesquisadores verificaram que jantar duas horas antes de dormir pode ter um risco maior do que consumir uma dieta de alto teor de sódio. Com base em uma avaliação feita em mais de 700 adultos com hipertensão arterial, eles descobriram que a hora que comemos tem grande impacto sobre nossa saúde.

 

O estudo examinou todos os tipos de alimentos consumidos, bem como ingestão de sal, se o café da manhã era comido regularmente e os horários das refeições noturnas, de acordo com informações do The Telegraph.

 

O estudo em questão foi apresentado no Congresso da Sociedade Europeia de Cardiologia em Roma, e afirmava que o “quando” das refeições era tão importante quanto “o que” é comido. 

Segundo os pesquisadores, uma dieta saudável significa comer um bom café da manhã e almoço, mas limitar a última refeição do dia a alimentos mais leves. Idealmente, o horário limite para essa última refeição é as 19 horas. Eles descobriram que pessoas que jantam tarde são quase duas vezes mais propensas a sofrer de hipertensão durante a noite.

 

Entre 700 adultos analisados, um total de 24,2% que jantou em um prazo de duas horas antes de ir para a cama, experimentou sintomas de hipertensão que não reduziram durante o sono, em comparação aos 14,2% dos que comeram a refeição noturna antes da 19 horas. 

 

De acordo com os pesquisadores, comer tarde pode deixar o corpo em alerta, encorajando-o a produzir hormônios do estresse, como a adrenalina, e atrapalhando o ritmo circadiano (relógio biológico). 

 

A pesquisa, que foi a primeira a examinar o vínculo entre refeições tardias e hipertensão, verificou ainda que aqueles que pulam o café da manhã também estão mais propensos a riscos semelhantes, uma vez que fazem refeições mais tardias.

Segundo a Dra. Ebru Özpelit, professora associada de cardiologia da Universidade Dokuz Eylül, em Esmirna, na Turquia, a vida moderna encoraja as pessoas a hábitos alimentares cada vez mais “erráticos”, e que a longo prazo podem ser extremamente prejudiciais.

 

Devemos definir a frequência e o tempo ideal das refeições porque a forma como comemos pode ser tão importante quanto o que comemos“, afirmou. “Tomar café da manhã é importante, e ele deve ser reforçado, e não devemos saltar o almoço. Devemos fazer um pequeno jantar, que não deve ocorrer depois das 7 horas da noite”.

 

Özpelit acrescentou que o corpo humano não foi projetado para lidar com muitos aspectos da vida moderna. “Com o advento da iluminação artificial e industrialização a preços acessíveis, os humanos modernos começaram a experimentar horas de iluminação prolongadas todos os dias e o consumo prolongado de alimentos“, disse ela.

 

Segundo ela, embora o corpo tenha sido projeto para comer antes do anoitecer, a iluminação artificial fez com que as pessoas esquecessem esse limite, alimenta-se muito mais tarde. Para que o corpo descanse de verdade, é essencial que a pressão arterial caia pelo menos 10% à noite. Mas, se ela continua alta, há um risco maior para o desenvolvimento de doenças cardíacas e infarto.

Estudos anteriores associaram as refeições tardias a um risco maior para a obesidade e resistência à insulina, que pode levar à diabetes, enquanto que pular o café da manhã foi relacionado a uma maior chance de doença cardíaca.

 

Segundo o professor Peter Weissberg, diretor médico da British Heart Foundation, e que não esteve envolvido no estudo, “é normal que a pressão arterial reduza durante a noite, mesmo em pessoas com hipertensão”, mas que estudos em populações maiores devem ser feitos para confirmarem tais resultados.

 

Em alguns hipertensos, a pressão permanece elevada ao longo da noite colocando-os em risco potencialmente maior de futuras complicações“, acrescentou. “Esta pesquisa sugere que comer uma refeição tarde da noite pode contribuir para o fracasso da redução da pressão arterial. Esta observação, que precisa ser confirmada em estudos mais aprofundados e cuidadosamente planejados, sugere que comer no início da noite pode ajudar as pessoas a obter um melhor controle de sua pressão arterial“.

[ FonteDiário de Biologia / Telegraph ]

[ Foto: Reprodução / Diário de Biologia ]

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!
error: Proibida a cópia sem autorização.