Iraquianos criam robô de guerra armado com metralhadoras para caçar membros do ISIS

de Merelyn Cerqueira 0

Os robôs de guerra, ou militares, já não são mais novidade, considerando o que vemos na vida real ou em cenários apocalípticos da cultura pop.

Jornal Ciência no seu WhatsApp

Clique aqui (61) 98302-6534, mande “olá” e salve nosso número nos seus contatos. Você receberá notícias do Jornal Ciência diretamente no seu celular.

No entanto, conforme relatado pela Bagdhad Post, um novo modelo poderia ser o primeiro a ser usado como arma em solo iraquiano para caçar membros do ISIS. Chamado de Alrobot, (árabe para “robô”), ele basicamente é uma máquina assassina.

iraquianos-criam-robo-metralhadora

De acordo com a Defense One, o Alrobot é equipado com uma arma de sentinela, mais especificamente uma metralhadora, um lançador de mísseis, quatro câmeras com visão de 360° e uma faixa de radiofrequência com alcance de até um quilômetro. Embora este não seja o primeiro robô militar do Iraque, ele provavelmente será o primeiro a ser usado pelas forças iraquianas no combate ao ISIS.

Estima-se que em breve o modelo será utilizado para atacar os militantes do ISIS em Mossul, uma área ao norte do Iraque e próxima à Síria. Ao que tudo indica, a criação do robô foi feita por dois irmãos iraquianos, cujas identidades não foram reveladas. Enquanto o Alrobot pode ser considerado por alguns, uma forma de anomalia, conforme lembrado pelo Gizmodo, esse é futuro dos conflitos humanos ou não humanos.

[ Gizmodo ] [ Fotos: Reprodução / Gizmodo ]

Jornal Ciência