Enorme orca lança uma pequena foca a 15 metros de altura com sua cauda

Imagens de tirar o fôlego capturam momento considerado raro por especialistas.

de Redação Jornal Ciência 0

O capitão Andrew Lees estava liderando um tour de observação de baleias, passando pela Ilha de Sidney, na Colúmbia Britânica, no Canadá, quando avistou uma orca macho nadando pelas águas.

Jornal Ciência no seu WhatsApp

Clique aqui (61) 98302-6534, mande “olá” e salve nosso número nos seus contatos. Você receberá notícias do Jornal Ciência diretamente no seu celular.

O homem viu de perto, enquanto o jovem macho agitava o rabo nas águas antes de virar de cabeça para baixo. De repente, uma infeliz foca foi lançada da superfície para o ar.

Espantado, Andrew observou a foca voar metros antes de cair de volta na água e ser devorada pela orca. Ele não tinha ideia de que havia conseguido capturar o momento na câmera do barco até que voltou para casa, pois estava tirando fotos de forma aleatória, enquanto manejava.

“Foi realmente de tirar o fôlego. Todos a bordo ficaram surpresos com o que vimos, inclusive eu”, disse ele.

“Nunca capturei algo assim com as câmeras antes e estou envolvido com a observação de baleias desde 2005. Não é sempre que as vemos fazendo isso com a cauda. Foi uma visão incrível e mostrou o poder e a habilidade desses predadores”, declarou.

Apesar da declaração de Andrew sobre as orcas serem baleias, a afirmação é incorreta. Orcas são, na verdade, golfinhos.

Fonte: The Sun Fotos: Reprodução / The Sun

Jornal Ciência