Pessoas introvertidas trabalham melhor, segundo especialista

de Merelyn Cerqueira 0

Apesar do que muitos acreditam, pessoas introvertidas podem ser as melhores opções para empresas.

Jornal Ciência no seu WhatsApp

Clique aqui (61) 98302-6534, mande “olá” e salve nosso número nos seus contatos. Você receberá notícias do Jornal Ciência diretamente no seu celular.

Enquanto os extrovertidos tendem a ser mais sociáveis e orientados para a ação, os introvertidos, que são mais quietos, podem ser considerados mais produtivos e igualmente valiosos para uma organização. 

“Em comparação aos extrovertidos, os introvertidos são menos distraídos por recompensas imediatas”, disse Laurie Helgoe, autora, psicóloga clínica e professora da Escola de Medicina da Universidade de West Virginia.

“Eles também se contentam em trabalhar em projetos que exigem longos períodos de solidão”.

“Por essas razões, os introvertidos parecem mais capazes de resistir às distrações e realizar planos de longo prazo”, acrescentou.

“Além disso, evidências recentes revelam que os introvertidos são melhores do que os extrovertidos no quesito proatividade.

Eles são melhores em apoiar e canalizar iniciativas e a criatividade dos funcionários, enquanto extrovertidos lideram melhor quando os funcionários são mais passivos”.

Uma em cada duas ou três pessoas no mundo tem uma personalidade introvertida, o que sugere cerca da metade da população.

Enquanto os extrovertidos são considerados os “realizadores”, os introvertidos são “indivíduos de ideias”, uma vez que tendem a ser mais focados por causa da necessidade de solidão. 

Embora essa característica possa soar negativa, ela pode contribuir em muito para a produtividade no trabalho. 

“A necessidade de solidão só é uma desvantagem quando lhe é negada”, explicou Helgoe. “Os introvertidos precisam garantir espaços silenciosos no local de trabalho para fazer o seu melhor”.

A razão pela qual eles precisam deste espaço é porque tendem a ficar excessivamente estimulados e sufocados quando expostos a um ambiente considerado caótico. Outra característica que os introvertidos possuem é a capacidade de ouvir os outros.

Isso significa que são melhores em elaborar soluções para um projeto, planejar orçamentos, gerenciar departamentos de RH, e até mesmo agir como bons líderes.

Embora este último possa contraditório, de acordo com Helgoe é possível que um introvertido lidere um grupo de extrovertidos, uma vez que ele é capaz de ouvir ideias, identificar pontos fortes na equipe e canalizar sua iniciativa em resultados de qualidade. 

A especialista explicou ainda que para este tipo de pessoa é melhor deixar passar cargos que “favorecem um estilo mais agressivo e abertamente competitivo”.

“As reuniões constantes são um mau sinal”, explicou. “Os ambientes de trabalho que exigem frequentes eventos sociais – para atrair ou entreter clientes, por exemplo – são uma boa descrição do que é o inferno para um introvertido”. 

“Os introvertidos são geralmente mais confortáveis ​​expressando seus pensamentos por escrito, e a escrita é um grande veículo para mostrar realizações”, disse Helgoe.

“A comunicação escrita traz autoridade e poder, e as pessoas apreciam ser informadas sobre o que você está fazendo”. “Isso também interfere no pressuposto de que o silêncio equivale à inatividade”, concluiu.

Fonte: Daily Mail Fotos: Reprodução / Jisc

Jornal Ciência