Homem de Bangladesh tem há 40 anos tumor gigante de quase 40 kg que o impede de andar

de Merelyn Cerqueira 0

homem-com-tumor-1

Haroon Patwari, 53 anos, de Bangladesh, tem em seu corpo uma série de tumores, um dos quais, localizado em sua coxa direita, chegou ao incrível peso de 38 kg.

 

Por causa disso, há 40 anos ele é incapaz de andar normalmente e vive recluso em sua casa já que as crianças de seu bairro vivem “assustadas” com sua aparência. Incapaz de trabalhar, Haroon é completamente dependente da esposa, Jaytun Nisa, de 49 anos, e seus dois filhos, de acordo com informações do Daily Mail.

homem-com-tumor-3

Os tumores de Haroon começaram a aparecer pelo seu corpo quando tinha apenas nove anos de idade. Seus pais, que eram muito pobres, conseguiram apenas tratamentos alternativos para impedir os crescimentos. No entanto, nada funcionou. “Em vez de curar, os tumores começaram a se espalhar rapidamente”, disse ele. Quando Patwari atingiu os 30 anos, o tumor de sua perna havia se tornado tão maciço que se estivesse sentado era incapaz de se levantar sozinho, causando-lhe grande dor. “Eu o vi sofrendo por 33 anos. Ele está com muita dor. É doloroso vê-lo viver assim”, disse sua esposa Jaytun. “Ele não pode fazer nada por conta própria e precisa ser apoiado porque a perna é muito pesada”.

A condição misteriosa de Haroon tem causado incômodo nas crianças de sua aldeia, que fica a 145 quilômetros de Dhaka, capital do país. Os adultos, por outro lado, vieram a seu apoio e ofereceram ajuda à família. “As crianças ficam assustadas comigo, então não saio muito de casa, mas seus pais foram gentis conosco”, disse ele. “Durante décadas eles contribuem com comida e dinheiro para ajudar nossa família”.

homem-com-tumor-2

Sua vida restrita impede que trabalhe para ajudar a esposa. “Estou frustrado de viver como um recluso. Quero sair e conhecer pessoas. Quero me livrar desse tumor. Ele me faz um homem ocioso”, disse. “Quero criar meu próprio negócio e ganhar o suficiente pra alimentar minha família”. Felizmente, o caso de Haroon chegou aos ouvidos de ativistas locais, como Mamum Biswas, que decidiu ajudá-lo. Por meio das redes sociais ele tem divulgado a história do homem, a fim de conscientizar as pessoas e levantar fundos para o tratamento.

“Este homem não só quer receber tratamento, mas também está interessado em começar a trabalhar”, disse Biswas. “Este tipo de energia é louvável. Estamos fazendo todo o possível para ajudá-lo a entrar em contato com o departamento de saúde.  “É sempre bom que as pessoas se apresentem para ajudar esses pacientes a obterem tratamento”, disse. “Gostaria que pudéssemos arranjar fundos suficientes para não apenas obter tratamento, mas também oferecê-lo uma pequena loja”.

[ Daily Mail ] [ Fotos: Reprodução / Daily Mail ]