Você sabe o que era o ‘vomitorium’?

de Julia Moretto 0

Você já ouviu falar de “vomitório” ou, em latim, vomitorium?

 

O curioso é que devido ao nome, muitas pessoas acreditavam que essas salas especiais eram criadas para que os antigos romanos vomitassem após as grandes confraternizações e, assim, poderem continuar bebendo e comendo até se fartarem novamente.

 

Essa ideia se tornou muito popular e chegou a se tornar referência ao estilo repleto de excessos da Roma Antiga. Mas, embora os vomitórios realmente tenham existido, eles tinham outra função. Eles, na verdade, nada mais eram do que entradas ou saídas de um espaço público – como arenas ou teatros.

Essa denominação foi criada pelo historiador romano chamado Macrobius, que se referia às alcovas presentes nos anfiteatros e à maneira que o público se esparramava violentamente no local para ocupar os assentos vazios antes das apresentações. Sua ideia então foi adicionar o fragmento “oruim” à palavra “vomitus” para transformá-la em uma designação do lugar.

 

Foi no final do século 19 e início do 20, que as pessoas começaram a confundir os nomes, devido à associação da palavra “vomitório” com “vômito”. Na literatura, a primeira referência apareceu em um livro chamado “Antic Hay”, escrito pelo autor britânico Aldous Huxley, em 1923.

 

Outro fator que ajudou a criar essa associação, foram os relatos sobre os grandiosos e opulentos banquetes realizados em Roma. Além disso, há histórias de que os escravos eram obrigados a limpar o vômito dos bêbados nas festas, o que fez com que essa imagem se concretizasse ainda mais. Porém, não existe nenhum registro sobre esses locais.

[ Fonte: Live Science ]

[ Foto: Reprodução / Live Science ] 

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!
error: Proibida a cópia sem autorização.