Será que seu colchão realmente dobra de peso com o passar do tempo?

de Merelyn Cerqueira 0

Ao comprar um colchão, você certamente já foi informado que, com o passar do tempo – algo em torno de 10 anos – eles acabam dobrando de peso e por isso precisam ser trocados. Mas será que isso realmente acontece ou é apenas um mito?

 

De acordo com informações da Live Science, a ideia por trás da informação é verdadeira. De fato, os colchões ao longo do tempo ganham peso, pois absorvem pele morta, colônias de ácaros (que se alimentam da pele morta), oleosidade e umidade. No entanto, a constatação de que em 10 anos o peso de um colchão dobra teria que envolver estudos científicos associando o peso do objeto em relação à massa do usuário, o que não aconteceu, de acordo com o entomologista Glen Needham, da Universidade Estadual de Ohio (Ohio State), nos EUA. “Segundo meu conhecimento, não há uma resposta científica para essa pergunta”, disse ele.

 

Para Karin Mahoney, porta-voz da International Sleep Products Association, a ideia é a mesma. “Eu ouvi dizer que os colchões dobram de peso a cada oito anos ou mais, mas não tenho conhecimentos de quaisquer estudos científicos que corroboram esta afirmação”. Ela ainda acrescentou que é de conhecimento geral que as camas são um ótimo habitat de ácaros e que é ali onde um terço da vida deles ocorre.

 

Segundo um estudo publicado pela Ohio State, um colchão típico pode ter cerca de 100.000 a 10 milhões de ácaros. Um travesseiro de dois anos de uso pode ter 10% de seu peso composto por ácaros mortos e seus excrementos. Por preferirem ambientes quentes e úmidos, eles costumam viver no interior desses colchões, já que estas condições são propiciadas enquanto as pessoas estão deitadas sobre eles.

 

Um dos alimentos favoritos dos ácaros são peles mortas, e as pessoas tendem a perder uma boa quantidade delas por dia – que certamente acabam parando no colchão.

 

Assim, com todos esses ácaros e pele morta, o colchão logicamente terá seu peso ligeiramente aumentado com o tempo, mas dobrar de peso é provavelmente um exagero.

[ Live Science ][ Foto: Reprodução / Pixabay ]

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!
error: Proibida a cópia sem autorização.