Mãe esguicha leite em mulher que mandou ela parar de amamentar filho em público

de Osmairo Valverde 0

A amamentação em locais públicos é alvo de debates acalorados e opiniões diversas não somente no Brasil, mas em diversos países.

 

Em Dartford, Inglaterra, uma página de Facebook foi criada para servir como local de debates e troca de ideias sobre questões cotidianas entre os habitantes da cidade.

 

Na página, chamada Dartford Gossip, uma seguidora reclamou que uma mãe esguichou leite nela depois de fazer uma reclamação mandando-a parar de amamentar seu filho em um estabelecimento comercial – um café – já que seu marido estava perto e poderia ficar olhando.  

Revoltada, ela escreveu na página: Escrevo para esta mulher que acha que é apropriado amamentar seu filho em público perto de crianças e distraindo facilmente maridos sentados próximos. Não acho que foi necessário reagir como você reagiu porque eu lhe pedi para ir a um lugar privado. Você me xingou e esguichou seu leite em mim, isso foi desnecessário. Espero que você esteja envergonhada de si mesma!”.

 

Ao contrário do que ela esperava, sua publicação teve uma reação estrondosa e extremamente negativa, sendo alvo de reportagens em vários países e diversos jornais. 

 

Quase todas as mensagens diziam que a mãe tinha sim o direito de amamentar seu filho recém-nascido em qualquer ambiente e ela recebeu críticas pesadas por achar que tinha o direito de mandar uma mãe amamentar em outro lugar.

Vários usuários manifestaram-se contra a crítica!

Uma das mensagens, da seguidora Janice Holmes, dizia: “Eu também teria muitas palavras para te falar se me pedisse para amamentar meu filho em lugar privado. Tem algo muito errado com as pessoas que acham que amamentação é inapropriado”.

 

Ciara Bennet, em tom mais humorado, disse: “Se esta senhora me dissesse para parar de amamentar minha filha e ir para outro lugar, eu diria a ela para ir fazer uma!”. 

Outra usuária do grupo também comentou a crítica: “Você mereceu sim. Ela estava amamentando seu filho e você interferiu na vida dela, não o contrário”.

 

A Inglaterra aprovou há pouco tempo uma lei que protege e assegura o direito das mulheres de amamentarem seus filhos onde desejarem, seja em local público ou estabelecimentos comerciais, como restaurantes, lanchonetes, lojas de roupa, metrô, nas ruas, etc.

 

Além disso, a lei Equality Act 2010 não só dá a permissão, como torna crime quem constranger a mãe ou proferir ofensas. Neste caso, a usuária do grupo cometeu um crime ao perturbar a mãe que estava tentando amamentar um bebê. Segundo a secretária de saúde da Inglaterra, “uma mãe jamais deve se sentir desconfortável enquanto amamenta em público”.

[ Fonte: Daily Mail ]

[ Fotos: Reprodução / Daily Mail / Facebook ]

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!
error: Proibida a cópia sem autorização.