Apesar de possuírem muito em comum, uma vez que eram consideradas pessoas brilhantes, peculiares e introvertidas, Albert Einstein e Nikola Tesla, não eram muito amigos.

 

Ambos dedicaram grande parte de suas vidas à Ciência. Enquanto o primeiro, que nasceu na Alemanha, foi responsável pela importante Teoria da Relatividade, que sustenta a Física Moderna, o segundo, sérvio-americano, ficou conhecido por suas engenhosas contribuições no campo do eletromagnetismo, que contribuíram imensamente para a Segunda Revolução Industrial.

tesla-e-einstein-nao-eram-amigos-3

Contudo, a verdade é que Einstein e Tesla viviam brigando. Em 1920, por exemplo, junto com o poeta George Sylvester Viereck, Tesla escreveu um poema criticando Einstein, que dizia: “Now a long haired crank, Einstein by name/ Puts on your high teaching all the blame”. (“Agora um velho de cabelos compridos, sob o nome de Einstein / Coloca em sua escola toda a culpa”).

 

Em 1931, em uma entrevista para a revista Time, Einstein foi convidado a fornecer um comentário sobre Tesla, uma vez que ele completava 75 anos. “Um eminente pioneiro no campo de correntes de alta frequência […] Quero parabenizá-lo pelo seu grande sucesso e pelo trabalho de sua vida”, disse o alemão secamente apesar da crítica anterior.

 

Tempos depois, em 1935, Tesla voltou a falar mal de Einstein. Em entrevista ao New York Times, ele disse que a teoria da relatividade era “um mendigo envolto em roxo que pessoas ignorantes tomavam como rei” e “uma massa de erros violentamente oposta aos ensinamentos dos grandes homens da ciência do passado e até do senso comum […] A teoria amarra todos esses erros e falácias e os veste em roupas matemáticas elegantes que fascinam, encantam e deixam as pessoas cegas […] Os exponentes dela são homens muito brilhantes, mas são metafísicos, não cientistas. Nem uma só proposta da teoria da relatividade foi provada”.

 

Ainda, boatos contam que quando um repórter perguntou a Einstein como era ser considerado o homem mais inteligente da Terra, ele respondeu ironicamente: “Não sei dizer. Pergunte a Nikola Tesla”. Contudo, embora a inimizade de ambos fosse palpável, eles aparentemente se respeitavam. Por exemplo, no 75º aniversário de Tesla, Einstein teria escrito uma carta parabenizando o rival pelos anos completados. O escrito foi encontrado recentemente entre os arquivos de Tesla e dizia:

tesla-e-einstein-nao-eram-amigos-4

Com alegria, soube que você comemora seu 75º aniversário. Você é um pioneiro bem-sucedido no campo das correntes de alta frequência, responsável pelo maravilhoso desenvolvimento desta área da tecnologia, permitindo grandes avanços. Quero apenas parabenizá-lo pelo sucesso, pelo trabalho, por tudo!

[ Truth Theory / Galileu ] [ Fotos: Reprodução / Truth Theory / Galileu ]

Jornal Ciência