Meteoros criam sons estranhos que podem ser ouvidos da Terra

de Julia Moretto 0

meteoro-de-Chelyabinsk

Pessoas que usam telescópio relataram ouvir estalos estranhos, sibilos e sussurros quase que instantaneamente quando um meteoro passa.

 

Embora possa parecer normal que uma bola de fogo voadora geraria ruído, esses objetos estão a cerca de 60 milhas de distância, e o som deveria demorar alguns minutos até chegar em nosso solo. Agora, os pesquisadores descobriram que os pulsos luminosos de luz podem criar sons audíveis longe da fonte por aquecimento de materiais “dielétricos” – incluindo roupas, folhas e até cabelos crespos.

 

Há tempos os cientistas estão perplexos com os ruídos misteriosos que foram ouvidos “simultaneamente com a chegada da luz de meteoros“. Segundo eles, “esses sons não podem ser atribuídos à propagação acústica direta da atmosfera superior pela qual o tempo de viagem seria de vários minutos“. Os sons devem ser o resultado da energia eletromagnética do meteoro que viajou por quilômetros de distância convertida em ondas acústicas, explicam os autores. Esses objetos são conhecidos por liberar pulsos de luz extremamente fortes.

sons-de-meteoro

Um meteoro registrado pela Rede Checa de Bola de Fogo em 2014, por exemplo, era aproximadamente 10 vezes mais brilhante do que a Lua Cheia e quase tão quente quanto o Sol. No estudo, os investigadores dizem que as mudanças de temperatura associadas com um evento do meteoro poderiam ser responsáveis pelo fenômeno. Sugerimos que cada pulso de luz pode aquecer a superfície de transdutores dielétricos naturais“, escreveram os autores. “As superfícies rapidamente aquecem e conduzem o calor para o ar próximo, gerando ondas de pressão. Quando essas ondas são produzidas por pulsos de luz, podem se manifestar como som a um observador próximo“.

 

Os transdutores dielétricos estão ao nosso redor e, segundo os pesquisadores, os materiais de cor escura teriam propriedades ótimas que facilitam o fenômeno. A equipe testou uma série de candidatos, incluindo tinta escura, cabelos finos, folhas, grama e roupas escuras. Em sua configuração, os pesquisadores colocaram uma matriz de LED de luz branca, a amostra e um microfone de laboratório dentro de uma cúpula de plástico em uma câmara anecoica. Na parte externa da cúpula, eles usaram um gerador de sinal e amplificador linear para conduzir os LEDs, e um analisador de espectro para gravar os sinais do microfone.

Os experimentos revelaram que esses materiais podem, de fato, produzir som fotoacústico. Os pesquisadores dizem que suas descobertas são consistentes com relatos de testemunhos de sons associados a meteoros e sugerem que sob as condições certas, uma pessoa em um ambiente calmo pode ouvir o ruído. As pessoas com cabelos crespos podem estar em vantagem: “Parece significativo que as pessoas com cabelos crespos são mais propensas a ouvir o som dos meteoros“, escreveram os pesquisadores.

 

Intuitivamente, cabelos crespos devem ser bons transdutores por duas razões. O cabelo perto das orelhas criará a pressão de som localizada, assim, é provável que seja ouvido. Além disso, o cabelo tem uma grande relação superfície/volume que maximiza a criação de som“, explicam os especialistas. 

[ Daily Mail ] [ Fotos: Reprodução / Daily Mail ]