Brasileiro que busca ter aparência de “diabo” remove dedo da mão

de Redação Jornal Ciência 0

Michel Faro Prado, de 44 anos, é brasileiro e tatuador. Ele é conhecido nas redes sociais por seu estilo extremo, sempre buscado realizar seu desejo de ter a aparência do que seria “um demônio”.

Em outras modificações corporais, ele já colocou chifres, cortou parte do nariz para ter aspecto de focinho e até colocou presas. Ele alega ter sido o terceiro homem do mundo a ter a ponta do nariz amputada.

Agora, em uma modificação extrema feita recentemente, ele resolveu amputar um dedo da mão esquerda. A tentativa visa dar uma aparência de “garras” para as mãos.

O tatuador já teria gasto mais de R$ 5 mil apenas para colocar suas presas nos cantos da boca, mas o valor total de tantos procedimentos é incerto, de acordo com informações do jornal Daily Star.

Não apenas seu corpo, mas os olhos também são tatuados. Ele se autointitula “Diabão Prado” e afirma ter uma grande tolerância à dor. Para ele, os procedimentos não representam nenhum incômodo.

“Na verdade, eu tenho uma boa resistência à dor, não acho que nada seja tão doloroso. Sofro muito mais no pós-operatório do que na hora. Adoraria não sentir nenhuma dor, mas se eu tiver que sentir dor, para conseguir o que quero, com certeza vou enfrentar”, disse ao jornal. Seus fãs no Instagram já somam mais de 66.000.

Fonte(s): Daily Star Imagens: Reprodução / Instagram @diabaopraddo

Jornal Ciência