TOP 15 coisas misteriosas que foram encontradas enterradas no gelo

de Merelyn Cerqueira 0

Paisagens glaciais são conhecidas por esconderem muito segredos sob suas camadas de gelo.

No entanto, na evidência do aumento das temperaturas globais, alguns destes segredos estão finalmente sendo revelados – alguns bons e outros certamente bizarros.

A maioria destes estão enterrados no permafrost da Sibéria, na Rússia, considerado um dos lugares mais frios da Terra. Dito isso, na lista abaixo você confere 15 mistérios que foram encontrados enterrados no gelo:

1 – Fotos bizarras

coisas-encontradas-no-gelo_1

Em 2013, um grupo de pesquisadores estava reconstruindo cabanas no ártico quando esbarraram em uma caixa congelada por um bloco de gelo. Quando abriram, encontraram uma série de fotografias em preto e branco que revelavam uma expedição liderada por Earnest Shackleton.

Ao que se sabe, o navio do explorador acabou encalhando no gelo, obrigando a tripulação a caminhar sobre as águas congeladas. É dito que todos à época conseguiram chegar são e salvos ao destino, deixando para trás apenas as fotos para contar sua história.

2 – Cadáver perfeitamente preservado

coisas-encontradas-no-gelo_2

Esta múmia de origem Inca foi encontrada a mais de 6 mil metros acima do nível do mar, na borda de um vulcão, e acompanhada pelo que se supõe ter sido seus filhos. Foi dito que ela estava tão bem preservada, que ainda tinha piolhos congelados nos cabelos.

Os pesquisadores que examinaram o cadáver assumiram que o clã a qual pertencera a sacrificou no vulcão, devido a muitas doenças que tinha, incluindo tuberculose. Uma vez que o corpo estava tão bem preservado, os médicos de fato conseguiram confirmar suas doenças de forma clara, e até mesmo indicar o período em que viveu.

3 – Mensagem perturbadora em uma garrafa

coisas-encontradas-no-gelo_3

Decidido a provar que as geleiras estavam derretendo, em 1959 um geólogo chamado Paul T. Walker colocou uma nota em uma garrafa e a enterrou sob as rochas perto de uma geleira em 1959.

A mensagem na garrafa instruía a quem a encontrasse medir o distante da garrafa até a borda da geleira. Em 2013, dois pesquisadores descobriram a garrafa embutida no gelo, e os dois decidiram seguir as instruções de Walker – com sucesso.

4 – Vulcão congelado

coisas-encontradas-no-gelo_4

O clima frio tem maneiras únicas de formar estruturas geladas que se assemelham a vulcões. A imensa mudança de temperatura, acarreta no congelamento do solo, que depois derrete. No entanto, isso é suficiente para deixar o solo na forma de estruturas estranhas. Uma planície na China, por exemplo, possui uma dessas estruturas construídas pela natureza.

A terra plana é interrompida pelas colinas que são produzidas a partir dessas condições frias, que são criadas a partir da pressão da água congelada. Trata-se de um dos fenômenos mais estranhos da natureza.

5 – Doença mortal

coisas-encontradas-no-gelo

A Sibéria é conhecida pelas muitas coisas congeladas sob seu permafrost, incluindo corpos. Muitos dos cadáveres enterrados ali pertenciam a pessoas que morreram de doenças infecciosas e atualmente extintas, de modo que as bactérias e vírus não se espalhassem.

No entanto, devido ao derretimento do gelo, estas condições podem estar voltando, à medida que mais corpos estão sendo descobertos, já que o gelo ajuda a preservar o cadáver e os microrganismos.

6 – Crateras perigosas

coisas-encontradas-no-gelo_6

Uma cratera na Sibéria, também conhecida como o ‘fim do mundo’, é considerada uma das maiores do mundo. Ela foi encontrada enquanto trabalhadores em busca de petróleo perfuravam o local.

Marcada com 60 metros de diâmetros, os cientistas ainda não conseguiram apontar sua profundidade – e aparentemente ninguém está disposto a descobrir. No entanto, eles apontaram ter detectado altos níveis de metano na área circundante, cerca de 10 vezes a quantidade do que o normal.

7 – Pegadas “alienígenas”

coisas-encontradas-no-gelo_7

Enquanto caminhavam ao longo de um lago congelado em Utah, nos EUA, dois amigos fizeram uma descoberta impressionante de uma estranha massa enterrada no gelo.

Ao observar pequenos orifícios saindo do gelo, bem como a estranha formação, eles especularam se tratar de alienígenas que um dia visitaram a Terra. Outras pessoas, no entanto, especularam se tratar de um ponto de pouso de um óvni.

8 – Vírus mortal

coisas-encontradas-no-gelo_8

O derretimento das calotas polares pode causar mais danos do que estamos conscientes. Há alguns anos, um vírus foi descoberto ainda ativo sob a tundra da Sibéria. Dito ter mais de 30.000 anos de idade, o vírus, que foi nomeado como Pathos, é capaz de afetar apenas amebas.

A preocupação dos cientistas, no entanto, é que a descoberta fomente a ideia de que possam existir vírus perigosos para os humanos, esperando serem libertados de suas câmaras de gelo e usados por países ou empresas com intenções duvidosas.

9 – Criaturas desconhecidas

coisas-encontradas-no-gelo_9

Criaturas estranhas não são exatamente novidades na Sibéria, muitas delas estão mortas e congeladas em enormes blocos de gelo. No entanto, descobertas mais recentes revelaram espécies desconhecidas, ou que foram assumidas como extintas.

Por exemplo, uma espécie de cachorro foi descoberta há alguns anos, possivelmente remontando algo que viveu há dez séculos. Pesquisadores acreditam se tratar de uma das primeiras raças de cães a ser domesticada.

10 – Um mamute

coisas-encontradas-no-gelo_10

Um pequeno mamute, nomeado como Lyuba e que viveu na Terra há mais de 48.000 anos, foi descoberto em 2007. Os restos intactos do animal foram encontrados por um caçador de renas, enquanto este passava por uma península congelada na Rússia.

Embora partes do mamute tenham sido vendidas, a pele, o tronco e os olhos restantes foram enviadas a um museu local para exibição.

11 – A lenda das botas verdes

coisas-encontradas-no-gelo_11

Muitas pessoas já tentaram escalar o Everest. Porque não é exatamente uma tarefa fácil, alguém que não é habilidoso o suficiente poderia acabar morrendo no caminho em direção a montanha. Logo, calcula-se que mais de 240 corpos estejam espalhados pelo trajeto.

Curiosamente, uma região da montanha foi apelidada de Vale do Arco Íris, devido à quantidade de equipamentos de diferentes cores que um dia pertenceu aos alpinistas mortos. Entre eles estava um homem apelidado de Botas Verdes.

Segundo consta, ele teria usado calçados do tipo quando escalou a montanha e acabou morrendo no processo. Enquanto o corpo foi levado a um enterro apropriado, ninguém sabe qual o fim que teve as botas.

12 – Pilhas de ossos congelados

coisas-encontradas-no-gelo_12

Em um lago perto do Himalaia, durante um dos meses mais quentes de 1942, quando o gelo derreteu, pilhas de ossos humanos foram descobertas na região por um guarda florestal.

Especulou-se que os ossos teriam pertencido a soldados japoneses que morreram durante a Segunda Guerra Mundial. No entanto, análises revelaram que os restos datavam de 850 d.C., e a causa da morte estaria relacionada a granizo.

13 – A maldição do Homem de Gelo

coisas-encontradas-no-gelo_13

Em 1991, uma múmia foi descoberta por dois turistas nos Alpes de Otzil. Nomeada por pesquisadores como Otzi o Homem de Gelo, o corpo foi datado em 3.000 a.C.

No entanto, os pesquisadores responsável pelas análises descobriram que, 13 anos após a remoção do corpo, sete das pessoas que ajudaram na escavação morreram.

Conta-se que quatro destas mortes ocorreram em extrema violência, enquanto as outras naturalmente.

Lendas contam que Otzi, O Homem de Gelo, foi morto violentamente com uma flechada na cabeça e depois golpeado diversas vezes com uma rocha. Muitas teorias sugeriram que seu espírito queria se vingar, e como escolha decidiu maldizer aqueles que o tiraram de seu túmulo gelado – embora isso seja apenas lenda.

14 – Um rinoceronte lanudo chamado Sasha

coisas-encontradas-no-gelo_14

Quando você pensa em rinocerontes, normalmente não pensa neles com pelos. No entanto, quando um pequeno rinoceronte chamado Sasha foi descoberto na Sibéria, o achado deixou muitos cientistas confusos.

A criatura pré-histórica preservada no gelo foi encontrada por caçadores que viajavam pela Sibéria em 2014. Inicialmente, estes acreditaram se tratar da carcaça de uma rena morta. Mas, logo descobriram ser um curioso rinoceronte.

O corpo foi enviado para a Academia de Ciências, e Sasha foi considera um dos únicos rinocerontes lanudos a serem descobertos no mundo.

15 – Plantas antigas

coisas-encontradas-no-gelo_15

Cientistas descobriram em 2012 uma série de espécies de plantas nunca antes conhecidas pelo homem no permafrost da Sibéria. A profundeza a qual estavam enterradas agiu como um freezer natural, preservando as plantas por décadas.

As descobertas de fato estão ajudando os cientistas a conhecer mais sobre o passado as espécies que existiram ali antes da ocorrência da Era do Gelo.

Fonte: The Clever Fotos: Reprodução / The Clever

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!
error: Proibida a cópia sem autorização.