Ele enterrou todas as suas fotos do Holocausto, mas elas foram encontradas e reveladas

de Merelyn Cerqueira 0

Durante o inverno de 1944, em plena Segunda Guerra Mundial e quando o Holocausto atingia o seu auge, o fotógrafo judeu Henryk Ross, de Łódź, na Polônia, enterrou uma caixa contendo uma série de fotografias clicadas por ele.

Jornal Ciência no seu WhatsApp

Clique aqui (61) 98302-6534, mande “olá” e salve nosso número nos seus contatos. Você receberá notícias do Jornal Ciência diretamente no seu celular.

Pouco mais de um ano, com o final da Guerra e libertação dos judeus dos campos de concentração, ele conseguiu retornar ao local para recuperar sua posse.

Ross era um fotógrafo que trabalhava registrando notícias simples e esportivas. Mas, isso até 1939, quando os nazistas invadiram a Polônia.

Deste momento em diante, sobreviveu fazendo fotos de identidades e registros de propaganda para o Departamento de Estatísticas.

Enquanto trabalhava, arriscou a própria vida para documentar em segredo tudo o que ocorria no cotidiano do gueto de Łódź, que eventualmente incluiu a deportação dos residentes para campos de extermínio.

Contudo, como corria o risco de sofrer um destino semelhante e tinha a intenção de proteger os registros que evidenciavam os crimes cometidos pelos alemães contra seu povo, guardou as fotos em uma caixa e a enterrou próxima de sua casa.

Quando as forças aliadas invadiram a Alemanha, libertando os judeus dos campos de concentração, Ross voltou para Łódź para recuperar suas fotos.

Enquanto parte delas foram destruídas pela ação das águas subterrâneas, algumas permaneceram intactas.

Estas mostram uma visão mais intimista da vida dos judeus poloneses que viviam no gueto.

As fotos hoje fazem parte de um acervo da Galeria de Arte de Ontário, no Canadá, de modo que exercem a função de memorial para homenagear as vítimas do maior genocídio do mundo.

1 – Homem salva Torá (escrituras religiosas judaicas) dos escombros de uma sinagoga em Wolborska Street (1940)

ele-enterrou-suas-fotos_2

2 – Retratos de um casal judeu (1940-1944)

ele-enterrou-suas-fotos_4

3 – Garoto procura por alimentos em um campo (1940-1944)

ele-enterrou-suas-fotos_6

4 – Homem caminha pelas ruínas de uma sinagoga em Wolborska Street, destruída pelos nazistas em 1939

ele-enterrou-suas-fotos_8

5 – Panelas e outros itens de cozinha são abandonados nas ruas pelos residentes dos guetos que foram deportados para os campos de extermínio (1944)

ele-enterrou-suas-fotos_9

6 – Embora danificada, a foto mostra uma criança sorrindo entre o que parece ser uma plantação

ele-enterrou-suas-fotos_10

7 – Mulher de família dos policiais do gueto beija seu filho enquanto é clicada (1940-1942)

ele-enterrou-suas-fotos_7

8 – Henryk Ross é clicado escavando sua caixa de fotos e negativos enterrada no gueto de Łódź (1945)

ele-enterrou-suas-fotos_5

9 – Garotinha judia posa com auxílio de uma pessoa para uma foto registrada entre os anos de 1940-1944

ele-enterrou-suas-fotos_3

10 – “Judeus. Entrada proibida”. Cartaz sinaliza área residencial habitada por judeus (1940 -1944)

ele-enterrou-suas-fotos_1

11 – Prisão dentro do gueto de Łódź localizada em Czarnecki Street é usada como ponto de reunião antes da deportação em massa dos judeus (1940-1942)

ele-enterrou-suas-fotos_11

12 – Casamento realizado no gueto (1940-1944)

ele-enterrou-suas-fotos_12

13 – Deportação em massa para os campos de extermínio é realizada em pleno inverno (1940-1944)

ele-enterrou-suas-fotos_13

14 – Menino brinca em balanço enquanto é clicado pelo fotógrafo judeu (1940-1944)

ele-enterrou-suas-fotos_14

15 – Crianças sendo transportadas para o campo de extermínio “Chelmno Nad Nerem”, posteriormente renomeado como “Kulmhof” (1942)

ele-enterrou-suas-fotos_15

16 – Henryk Ross é fotografado trabalhando na produção de Cartões de Identificação para a Administração Judaica, dentro do Departamento de Estatísticas (1940)

ele-enterrou-suas-fotos_16

17 – Judeus são clicados trabalhando na produção de pão pita, um tipo de massa fina semelhante à utilizada para pizzas (1940)

ele-enterrou-suas-fotos_17

18 – Jovem posa entre plantas em um registro fotográfico feito entre 1940-1944

ele-enterrou-suas-fotos_18

19 – Mulher vasculha junto de outros judeus as ruínas da Sinagoga de Wolborska Street, destruída pelos alemães em 1939

ele-enterrou-suas-fotos_19

20 – Homem aparentemente doente é clicado rodeado de crianças (1940-1944)

ele-enterrou-suas-fotos_20

Fonte: Bored Panda Fotos: Reprodução / Bored Panda

Jornal Ciência

no seu WhatsApp

Clique aqui (61) 98302-6534, mande “olá” e salve nosso número nos seus contatos. Você receberá notícias do Jornal Ciência diretamente no seu celular.

Obs: É necessário salvar nosso número e enviar “olá” para validar o cadastro. São milhares de leitores. Aproveite. É grátis!

Jornal Ciência