Adolescentes na Indonésia estão bebendo água de absorventes fervidos para ficarem “drogados”

de Merelyn Cerqueira 0

De acordo com comentários feitos pelo chefe do Departamento de Erradicação de Drogas (BNN), em Java Central, Indonésia, jovens estão usando absorventes higiênicos como uma forma de alucinógeno.

Em entrevista à Vice, ele disse que os materiais usados, embora fossem legais, não estavam sendo usados da maneira pretendida, mas sim como uma espécie de entorpecente.

“Precisamos tomar medidas para conscientizar as pessoas de que há materiais que não são classificadas como drogas ou psicotrópicos aos olhos da lei, mas que ainda podem ser mal utilizados”, acrescentou.

De acordo com a Vice, adolescentes entre 13 e 16 anos estavam fervendo os absorventes para destilar produtos químicos e géis que fazem parte da composição do produto, estes seriam capazes de provocar alucinações.

A prática, aparentemente, tem ocorrido há anos, mas até o momento ninguém sabe o que exatamente que molécula ou composto está causando tais sensações – mas é notório que só agora as autoridades tomaram conhecimento do uso ilegal.

A prática foi observada entre comunidades mais pobres, especialmente as que vivem em áreas de mineração, o que indicada que ainda não é algo generalizado na capital ou nas grandes cidades.

Descobriu-se ainda que a questão estava relacionada a jovens que estavam vivendo sob estresse e que queriam se sentir felizes, mas que não tinham dinheiro para experiências mais “comuns” como álcool, por exemplo.

Quanto ao caso de estarem ou não usando absorventes sujos para a prática, alegações sugeriram que isso era feito no passado, onde os antigos moradores de aldeias acreditavam que o sangue menstrual poderia conter elementos ainda mais potentes de alucinação, mas os jovens garantem que isso não é mais praticado, sendo usado somente absorventes novos, já que são mais baratos que drogas lícitas.

Fonte: IFL Science Fotos: Reprodução / Elite Readers

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!
error: Proibida a cópia sem autorização.