O que aconteceria com o Brasil se os EUA resolvessem entrar em guerra?

de Merelyn Cerqueira 0

brasil-estados-unidos

Considerando o cenário atual de tensão entre Estados Unidos e Coréia do Norte, não é surpresa que as pessoas assumam temer a possibilidade de uma Terceira Guerra Mundial.

 

Isso porque não é de hoje que Kim Jong-un tem feito ameaças ao país atualmente governado por Donald Trump. Mas, você já parou para pensar o que aconteceria com o Brasil se essa guerra acontecesse?

Embora seja impossível prever com exatidão o que aconteceria neste cenário, há algo importante que deve ser considerado.

 

Tenha em mente que os EUA são uma potência mundial e, portanto, qualquer um que estivesse em qualquer outro lugar que não fosse ao seu lado enfrentaria problemas. Logo, não é de se surpreender que o Brasil tome uma posição de aliado.

 

Mas, isso não ocorreria apenas por tenência, mas sim por hombridade. Isto é, nosso país é um dos 66 que assinaram acordos que garante proteção das forças armadas dos EUA em caso de guerra.

Essa parceria começou logo ao final da Segunda Guerra, quando surgiram os grandes blocos comerciais e acordos de ação bilateral de proteção. E o objetivo dos norte-americanos era muito simples: garantir influência militar e econômica sobre o maior número de países possíveis, especialmente durante a Guerra Fria.

 

Portanto, em caso de uma Terceira Guerra, é bem provável que estejamos do lado vencedor – ou talvez não, afinal, quem sabe o que se passa na cabeça de Kim Jong-un ou que verdadeiro poder bélico ele guarda?

[ Fatos ] [ Foto: Reprodução / Fatos ]