7 mistérios da humanidade que permanecem inexplicáveis

de Merelyn Cerqueira 0

Vário eventos, lugares e teorias, já bem conhecidos pela humanidade, ainda permanecem sem explicações, até mesmo para nossa moderna Ciência.

 

Como consequência disso, inúmeras explicações surgiram a fim de tentar contornar o que ainda não compreendemos. Embora muitas delas tenham ganhado crédito e adeptos com o passar dos anos, por meio da herança de culturas, elas, nem de perto, resolvem completamente essas questões.

 

Dito isso, abaixo você confere sete dos mistérios que ainda permanecem inexplicáveis.

 

1 – Atlântida

misterios-nao-resolvidos_01

Lendária ilha ou continente mencionado pela primeira vez, ao que se acredita, pelo filósofo Platão em suas obras “Timeu ou a Natureza” e “Crítias ou a Atlântida”, de acordo com a lenda, ela teria sido uma belíssima cidade que acabou afundando nas profundezas do oceano da noite para o dia. Teorias dizem que, na verdade, essa era apenas uma cidade hipotética usada por Platão para ilustrar parábolas morais aos seus alunos, embora uma série de objetos encontrados no fundo do mar tenha sido associado à civilização.

 

2 – Stonehenge

misterios-nao-resolvidos_02

Considerável projeto arquitetônico muito procurado por turistas na Europa, o Stonehenge ainda é tido como uma das mais misteriosas estruturas da Terra. Localizado no Reino Unido, ele é formado por círculos concêntricos de pedras com cerca de cinco metros de altura e quase 50 toneladas. O mistério por trás dele, no entanto, não é como foi construído, uma vez que se sabe que foi feito em três períodos, mas sim a razão dele.

 

3 – Pirâmides do Egito

misterios-nao-resolvidos_03

Embora a história conte que as três pirâmides do Egito foram construídas como câmaras funerárias para guardar os restos mortais de faraós, alguns pesquisadores suspeitam que também eram usadas como escolas e centros de aprendizado sobre mistérios da vida. Ainda, ao que tudo indica, o material utilizado para a construção era de origem longínqua, isto é, não eram comuns na região no período em que as torres foram erguidas. 

 

4 – Sudário de Turim

misterios-nao-resolvidos_04

Conhecido também como Santo Sudário, o tecido mortuário supostamente teria guardado marcas do rosto de Jesus, uma vez que é dito ter sido usado para cobrir seu corpo após a morte. No entanto, embora milhões de fiéis sigam venerando o tecido, atualmente exposto em Turim, na Itália, análises por meio de datação de carbono revelaram que ele é muito mais recente do que o período associado à passagem de Jesus.

 

5 – Triângulo das Bermudas

misterios-nao-resolvidos_05

Velho conhecido dos teóricos da conspiração, o Triângulo das Bermudas é uma região localizada no Oceano Atlântico, entre Flórida, Bermuda e Porto Rico. O lugar notabilizou-se como palco de relatos sobre o desaparecimento de aeronaves, embarcações e até mesmo pessoas que se aventuraram a navegar pelas misteriosas águas da região. Consequentemente, uma série de explicações populares sobrenaturais e extrafísicas tomaram lugar, uma vez que o extraordinário costuma ser fermento para as teorias dos investigadores mais céticos.

 

6 – Linhas de Nazca

misterios-nao-resolvidos_06

Praticamente imperceptíveis quando vistos de perto, os contornos das misteriosas linhas de Nazca são bem visíveis quando observadas do alto. Localizadas em um deserto no Peru, elas foram descobertas em 1927, quando o piloto Toribio Mejia Xesspe sobrevoava a região. Tratam-se de mais de 13 mil traços que formam cerca de 800 figuras, algumas com mais de 65 quilômetros de comprimento. Até hoje ninguém sabe ao certo a origem ou o propósito das linhas, e em razão disso muitas teorias foram criadas, entre as quais envolvem sinalização de pouso para naves alienígenas.

7 – Jack, o Estripador, e Zodíaco

misterios-nao-resolvidos_07

Acredita-se que o famoso serial killer Jack, o Estripador, foi responsável pela morte de 11 mulheres na Londres de 1800. Suas vítimas tinham as gargantas cortadas e os corpos mutilados a fim de se tornarem irreconhecíveis. No entanto, o fato é que a identidade do assassino nunca foi descoberta, permanecendo um mistério até os dias de hoje.

 

Outro serial killer muito conhecido, o chamado Zodíaco, que atuou entre as décadas de 60 e 70, chegou a enviar um total de quatro cartas para a polícia e imprensa contando sobre seus crimes. Ele escrevia enigmas e desenhava imagens para que os peritos tentassem decifrar. Contudo, apenas uma delas foi desvendada, enquanto as outras ainda estão sob investigação.

[ Learning Mind / Universo Inteligente ] [ Fotos: Reprodução / Learning Mind / Universo Inteligente/ Wikimedia ]

deixe uma resposta

Seu e-mail não será publicado

Você pode usar tags e atributos em HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!